HojePR

HOJEPR LOGO
Siga no WhatsApp
Pesquisar

19/07/2024

PERGUNTAR NÃO OFENDE

Assembleia avalia bens públicos danificados durante invasão; quem vai pagar essa conta?

assembleia

A Comissão Executiva da Assembleia Legislativa do Paraná está apurando os danos causados à estrutura física do prédio do Poder Legislativo após a invasão realizada nesta segunda-feira (3) por manifestantes que protestam contra o projeto que institui o Programa Parceiro da Escola. Em levantamento prévio, constatou-se a quebra de vidros e portas de acesso para o Plenário, o arrombamento do portão principal de entrada e depredação de cadeiras nas galerias. No fim das contas, cabe a pergunta: quem vai pagar essa conta?

Antes do horário regimental da sessão, manifestantes ocuparam galerias quando a multidão forçou a entrada, rompendo o portão de acesso à Assembleia e, em seguida, ocupando o Prédio do Plenário. Diante do fato, o presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSD), anunciou a suspensão temporária da sessão plenária. Às 17 horas, a sessão foi retomada de modo remoto.

A Comissão Executiva ainda trabalha para levantar todo o prejuízo causado pela invasão. O relatório completo com os bens danificados só poderá ser concluído após o esvaziamento completo dos prédios do Legislativo.

De autoria do Poder Executivo, o projeto de lei 345/2024 quer otimizar a gestão administrativa e de infraestrutura das escolas mediante parceria com empresas de gestão educacional.

Números

De acordo com o Gabinete Militar da Assembleia Legislativa do Paraná, durante a invasão da Casa por parte dos manifestantes foram registrados 2 policiais militares feridos, com cortes nas mãos, 3 pessoas com ferimentos leves e 2 detidos por depredação ao patrimônio público.

Leia outras notícias no HojePR.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *