HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

07/02/2023



Sem Categoria

Athletico tem noite ruim e é derrotado pelo Libertad na Libertadores

 Athletico tem noite ruim e é derrotado pelo Libertad na Libertadores

Em partida que valia a liderança do grupo B da Libertadores, o Athletico foi até o Paraguai enfrentar o Libertad e acabou sendo derrotado por 1 a 0, na noite de terça-feira (26). No jogo que o Furacão sabia que seria difícil, o time até conseguiu jogar melhor no primeiro tempo, entretanto, no início da segunda etapa levou um gol na desatenção da zaga e o atacante Pablo ainda desperdiçou um pênalti que poderia garantir ao menos um ponto na tabela.

 

O primeiro tempo começou disputado, o Athletico mantinha a posse de bola e chegava com facilidade no campo ofensivo. Porém, ainda travava naquele mesmo problema que já foi visto em partidas anteriores, poucos arremates a gol e a pontaria ruim. Mesmo com a pequena dominância rubro-negra, a primeira grande chance da partida foi do Libertad. Aos 8 minutos, o zagueiro Pedro Henrique recua mal a bola e obriga o goleiro Bento a fazer uma dividida dura contra o atacante adversário.

 

A reposta rubro-negra chegou aos 19 minutos. Após receber uma bola enfiada de Terans, Vitinho domina na ponta esquerda e faz belo chute colocado, que caprichosamente vai para fora. Aos 30 minutos, Pedro Henrique ainda teve a chance de abrir o marcador para o Athletico. Após cobrança de escanteio, a bola sobra para o zagueiro que estava sozinho dentro da área, porém ele acabou furando o chute. Além de Bento, outro destaque do primeiro tempo foi o atacante Cannobio, que mostrou muita disposição para buscar jogadas coletivas.

 

O segundo tempo começou com mudanças e um apagão do Athletico. Durante o intervalo, o técnico Fábio Carille colocou Marlos e Erick no lugar de Terans, que vinha tendo uma boa atuação, e Christian, que já tinha cartão amarelo. Com as alterações, o Furacão perdeu o volume de jogo na intermediaria e o Libertad começou a controlar as ações do jogo.

 

Aos 11 minutos, o time da casa marca o único gol da noite. Após cobrança de escanteio curta, a bola é alçada na área até chegar aos pés de Riveros, que de costas para o gol, chute de calcanhar para o fundo da rede. O momento da partida era totalmente do Libertad, que quase ampliou o marcador após uma cobrança rápida de lateral e outra desatenção da defesa athleticana. Novamente Bento foi acionado e fez outra boa defesa.

 

No decorrer da partida, ainda entraram em campo Pablo, Vitor Bueno e Pedro Rocha. Mesmo colocando mais jogadores ofensivos, o Athletico chegava com menos perigo no ataque. Foi aos 31 minutos a grande oportunidade do Furacão, Cannobio foi derrubado na área e o juiz marcou pênalti. Pablo assumiu a responsabilidade e desperdiçou a cobrança em chute fraquíssimo.

 

Com o resultado, o Libertad somente administrou o restante da partida e decretou a primeira derrota do Athletico na Libertadores. O próximo compromisso do rubro-negro é no sábado (30) com o América-MG pelo Brasileirão. Pela Libertadores, na terça-feira (03) o Athletico vai precisar de grandes esforços e oxigênio para enfrentar o The Strongest, na altitude da Bolívia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *