HojePR

HOJEPR LOGO
Siga no WhatsApp
Pesquisar

24/07/2024

FILMES & SÉRIES

Dez filmes de terror que são um verdadeiro mergulho na psique humana

estadão

O gênero de terror pode ser mais do que apenas sustos e monstros. Muitos filmes do gênero usam esta linguagem para oferecer reflexões profundas e análises complexas das emoções e dos traumas humanos, usando o medo como uma ferramenta para explorar a psique humana. Se você gosta de um bom susto, mas também aprecia histórias que nos fazem refletir, esta lista é para você.

Conheça os filmes de terror que, além de provocar arrepios, retratam as complexidades da mente humana proporcionando momentos de verdadeiro horror:

Babadook (2014)

Amelia é uma mãe solteira que luta para criar seu filho Samuel, que tem problemas comportamentais. Após encontrar um livro misterioso chamado Mister Babadook, a situação deles se agrava quando uma entidade maligna começa a assombrá-los. O filme explora a depressão e o luto de Amelia pela perda do marido. O Babadook é uma metáfora para os sentimentos reprimidos que eventualmente se tornam incontroláveis se não forem enfrentados. Disponível na Prime Video.

Os Outros (2001)

Grace, uma mulher religiosa, vive em uma mansão isolada com seus dois filhos fotossensíveis. Quando estranhos eventos começam a ocorrer, ela suspeita que a casa esteja assombrada. O filme aborda a negação e o isolamento. A reviravolta final revela que a negação de Grace sobre a realidade trágica que a cerca é a verdadeira assombração. Disponível na Prime Vídeo.

Saga Hannibal (1991-2007)

Segue a relação complexa entre o psiquiatra canibal Dr. Hannibal Lecter e aqueles que o investigam, particularmente Clarice Starling e Will Graham.

A psicopatia e a manipulação psicológica são exploradas no filme E Hannibal Lecter usa sua inteligência para manipular e controlar os que estão ao seu redor. O filme revela a fragilidade da mente humana. Dividido em 5 filmes: Hannibal – A Origem do Mal (2007), Dragão Vermelho (2002), Caçador de Assassinos (1986), O Silêncio dos Inocentes (1991) e Hannibal (2001) – em ordem cronológica. Todos estão disponíveis na Prime Video.

Telefone Preto (2021)

Finney Shaw é sequestrado por um assassino em série e trancado em um porão, onde um telefone desconectado permite que ele se comunique com as vítimas anteriores do sequestrador. A história destaca o poder do trauma e da resiliência. As vítimas anteriores, falando através do telefone, simbolizam como as experiências passadas e os traumas podem ajudar na sobrevivência e superação. Disponível na Prime Video.

Midsommar (2019)

Um grupo de amigos viaja para a Suécia para participar de um festival de verão, mas o que começa como uma experiência bucólica rapidamente se transforma em um pesadelo perturbador. O filme aborda o luto e a codependência. A protagonista, Dani, está lidando com uma perda devastadora e encontra uma forma de redenção em um culto que inicialmente parece acolhedor, mas revela intenções sombrias. Disponível na Prime Video.

Hereditário (2018)

Após a morte da matriarca da família Graham, segredos sinistros sobre sua linhagem começam a ser revelados, e eventos sobrenaturais afetam seus membros. O filme explora a herança do trauma e a disfunção familiar. As experiências passadas e os segredos da família afetam profundamente cada membro, levando-os à loucura e ao desespero. Disponível na Netflix, Max e Prime Video.

A Bruxa (2015)

Uma família puritana no século 17 é banida de sua colônia e vive isolada na floresta, onde começam a ocorrer eventos inexplicáveis que testam sua fé e sanidade. O filme explora a paranoia e o fanatismo religioso. A crescente desconfiança e medo dentro da família levam à sua desintegração, questionando a relação entre fé e razão. Disponível no Prime Video e Globoplay

Corra! (2017)

Chris, um jovem negro, visita a família de sua namorada branca e descobre um segredo aterrorizante. O filme aborda o racismo e a objetificação. A aparente cordialidade da família esconde intenções sinistras, explorando a tensão racial e o impacto psicológico do preconceito. Disponível na Netflix, Star+ e Prime Video.

O Sexto Sentido (1999)

Cole Sear, um garoto que vê pessoas mortas, busca ajuda do psicólogo infantil Dr. Malcolm Crowe. O filme explora a comunicação e a aceitação. A jornada de Cole para aceitar sua habilidade e o luto de Malcolm por um evento traumático revelam a importância da compreensão e do apoio emocional. Disponível na Star+.

Nós (2019)

Adelaide Wilson e sua família são aterrorizados por representação de pessoas idênticas a eles (doppelgängers) durante uma viagem de férias.

O filme aborda a dualidade e a identidade. Os doppelgängers representam o lado sombrio e reprimido dos personagens, questionando quem somos realmente e como nossas ações afetam outros. Disponível na Prime Video.

Para mais notícias acesse HojePR.com

(Foto: Divulgação)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *