HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

08/02/2023



Sem Categoria

Arilson propõe pagar apenas pela água e energia consumidas

 Arilson propõe pagar apenas pela água e energia consumidas

Pagar somente pela água e pela energia elétrica consumidas. Essa é a proposta do Projeto de Lei de autoria do deputado Arilson Chiorato (PT), que começou a ser analisado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) na última terça-feira (26/04). Proposto em 2020, o PL proíbe a cobrança por estimativa de consumo, prática adotada, hoje em dia, em algumas situações.

“A minha luta é por transparência. O consumidor não pode ser penalizado na hora da cobrança da tarifa de água e luz. Temos visto lucros bilionários da Sanepar e da Copel, por isso, não dá para aceitar que não consigam fazer a medição correta na casa de cada consumidor ou consumidora”, afirma o deputado Arilson.

Líder da Oposição na Alep, o deputado Arilson tem questionado a política adotada nos últimos anos das companhias paranaenses, o que inclui a falta de investimentos na infraestrutura das empresas. No caso da Copel, o resultado desse tipo de gestão pode ser sentido na demora do restabelecimento de energia elétrica e casos de quedas regulares em algumas regiões. Já a Sanepar não resolve problemas de abastecimento, como a crise hídrica na região metropolitana de Curitiba. O deputado também tem criticado o modelo de cobranças de ambas as empresas.

O deputado Arilson explica que, quando ocorrer a aprovação do projeto de lei, as concessionárias fornecedoras de água e esgoto e de energia elétrica deverão disponibilizar em conjunto com a leitura mensal, registro fotográfico do leitor que realiza o registro da unidade consumidora ao usuário.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *