HojePR

HOJEPR LOGO
Siga no WhatsApp
Pesquisar

12/07/2024

NEGÓCIOS

Chat GPT e a criação de conteúdos de marketing

No mundo digital atual, a criação de conteúdos de marketing é essencial para as empresas se conectarem com seu público-alvo. Nesse contexto, o uso do Chat GPT (Sistema de Processamento de Linguagem Natural) tem se destacado como uma ferramenta poderosa no auxílio aos profissionais de marketing, uma vez que tem a capacidade de criar conteúdos eficazes, ajudar na personalização e segmentação do público, fornecendo também ideias criativas.
Para o especialista em marketing e estratégia de negócios, Frederico Burlamaqui, o uso do Chat GPT na criação de conteúdos de marketing oferece uma série de benefícios para os profissionais dessa área, porém, ela deve ser vista como uma aliada e não substituta.

 

“O Chat GPT pode ser um bom acelerador de conteúdos de massa, capaz de aumentar a eficiência das entregas, fornecer ideias inspiradoras, personalizar e segmentar de maneira mais precisa, no entanto, é importante lembrar que a inteligência artificial é uma aliada e complemento à criatividade humana. Ao aproveitar os insights e a agilidade proporcionados pelo Chat GPT, os profissionais de marketing podem elevar suas estratégias a um novo patamar, criando conteúdos envolventes e impactantes para atrair e cativar o público-alvo, porém, para construir um modelo narrativo persuasivo, é necessário uma competência técnica, estratégica e artesanal próprias de um ser humano não apenas capacitado, mas particularmente habilidoso”, conta.

 

A Inteligência artificial no marketing

Com o avanço da Inteligência artificial, o Chat GPT surge como uma solução inovadora que quando bem utilizada pode ajudar na criação de conteúdos de marketing, uma vez que a ferramenta é baseada em redes neurais profundas, que possibilitam a geração de textos coerentes e relevantes em resposta a perguntas e comandos fornecidos pelos usuários. “Uma das principais vantagens do uso do Chat GPT na criação de conteúdos de marketing é a eficiência proporcionada e a escalabilidade da entrega, já que por meio da geração automática de textos, essa ferramenta agiliza o processo criativo, permitindo que os profissionais economizem tempo na produção de materiais promocionais, como artigos, posts em redes sociais e e-mails de marketing. Porém é fundamental que o agente humano saiba integrar suas habilidades com a ferramenta e sempre revise e ajuste artesanalmente os conteúdos gerados pela inteligência artificial”, reforça Frederico.

 

Inspiração para campanhas, personalização e segmentação

Além da eficiência, o Chat GPT pode ser uma excelente fonte de ideias e inspiração para campanhas de marketing, uma vez que ao interagir com o modelo, os profissionais podem obter uma variedade de insights e sugestões criativas para desenvolver estratégias de comunicação impactantes. “O Chat GPT pode atuar como um parceiro criativo, auxiliando na geração de conceitos e abordagens inovadoras, porém mais uma vez é fundamental a competência do agente humano, que vai selecionar as ideias aproveitáveis e criar outras ainda mais elaboradas”, comenta o especialista.

A personalização e a segmentação são elementos-chave no marketing moderno, pontos que o Chat GPT pode contribuir muito, uma vez que ele pode ser alimentado com dados específicos sobre o público-alvo de uma empresa, permitindo que as respostas geradas sejam mais relevantes e personalizadas. “Quando falamos sobre coleta de dados e mensuração, a inteligência artificial é muito poderosa, uma vez que ela tem a capacidade de entregar soluções mais assertivas que podem contribuir para uma experiência de usuário mais satisfatória, aumentando o engajamento e a eficácia das estratégias de marketing”, explica Frederico.

 

Complementação à criatividade humana

Embora o Chat GPT seja uma ferramenta poderosa, é importante ressaltar que a criatividade humana continua sendo fundamental, assim como o papel dos profissionais de marketing que devem guiar e supervisionar o processo de criação, ajustando e aprimorando os textos gerados pelo modelo. “A interação entre a inteligência humana e a artificial é o segredo para aproveitar ao máximo o potencial dessa tecnologia. Sendo assim, para obter as melhores respostas do Chat GPT, é fundamental integrar a inteligência humana adequadamente e fornecer os insights necessários para que a ferramenta trabalhe melhor”, conta o especialista.

 

Entre os comandos que podem ser dados no briefing, Frederico destaca alguns tópicos:

Contextualize a tarefa: comece fornecendo informações sobre o propósito e o contexto da solicitação. Explique de forma sucinta qual é a finalidade da resposta desejada e quais são os objetivos ou requisitos específicos do projeto.

 

Especifique o tipo de resposta desejada: seja claro sobre o tipo de resposta que você está procurando. Pode ser um texto explicativo, um exemplo, um resumo, uma lista de itens, entre outros. Quanto mais específico você for, maior a probabilidade de obter uma resposta adequada às suas necessidades.

 

Forneça exemplos ou instruções: se necessário, dê exemplos específicos ou instruções sobre o formato ou o conteúdo esperado na resposta. Isso ajuda o Chat GPT a entender melhor o que você está buscando e a gerar uma resposta mais alinhada com suas expectativas.

 

Limite a resposta: defina um limite de tamanho para a resposta, se aplicável. Você pode especificar o número máximo de palavras, frases ou parágrafos desejados. Isso ajuda a evitar respostas excessivamente longas ou curtas demais.

 

Fornecer contexto adicional, se necessário: se a pergunta ou solicitação exigir informações de contexto específicas, compartilhe-as no briefing. Quanto mais informações relevantes você fornecer, mais preciso e relevante será o resultado gerado pelo Chat GPT.

 

Revisão e interação: após receber a resposta inicial do Chat GPT, revise-a e, se necessário, forneça feedback adicional, fazendo ainda ajustes artesanais no resultado final. Esse processo interativo pode ajudar a refinar e aprimorar as respostas ao longo do tempo, garantindo uma melhor adequação às suas necessidades.

 

“Lembre-se de que, apesar de ser uma ferramenta poderosa, o Chat GPT ainda pode produzir respostas imprecisas, enganosas e/ou fora do contexto em algumas situações. Portanto, é essencial analisar criticamente as respostas geradas e ajustar conforme necessário para garantir a qualidade e a precisão das informações fornecidas”, finaliza Frederico.

 

Leia outras notícias no HojePR.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *