HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

29/01/2023



Capital

CMC: projeto de gratificação para servidores da Educação será votado nesta terça

 CMC: projeto de gratificação para servidores da Educação será votado nesta terça

Cumprindo o regime de urgência aprovado na Câmara Municipal de Curitiba, nesta terça-feira (26) já será submetido ao plenário da Câmara de Curitiba o projeto de lei do Executivo que cria a gratificação técnica especial (GTE) para funcionários da Secretaria Municipal da Educação (SME). A GTE será paga a quem participa de atividades extracurriculares, executadas fora da jornada regular de trabalho, como os programas Comunidade Escola e de formação continuada, da elaboração dos projetos pedagógicos e de outros eventos e iniciativas da SME.

 

Um documento anexado à proposta detalha o valor das gratificações, que varia conforme a atividade; a dedicação em dia útil ou em fim de semana; e o número de horas trabalhadas. As gratificações são, por exemplo, de R$ 39 para a participação em evento de até uma hora durante a semana e de R$ 68 ao sábado ou domingo, pelo mesmo período de tempo.

 

No caso do Programa Comunidade Escola, começam em R$ 78, para até duas horas em dia útil, e vão até R$ 408, para a dedicação de até seis horas em fim de semana. O impacto da gratificação especial, estima o Executivo, será de R$ 5.638.096,13 em 2022 e de R$ 5.840.360,18 no próximo ano (confira). Conforme a proposição, sobre os valores das bolsas incidirá o reajuste linear concedido ao funcionalismo.

1 Comentário

  • Terá o mesmo efeito que nas polícias essa “Gratificação”. Todos vão fazer o que o superior quer, para não perderem a tal “gratificação”. E é só para isso mesmo que será instituida. Para manobrar a seu bel prazer, de cima para baixo. Como acontece hoje nas polícias do Estado…Secretarias da Educação, e outras…..

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *