HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

07/02/2023



Sem Categoria

Ineficientes ao viver, eficientes ao morrer (ou “não se preocupe, a morte é supereficiente”)

 Ineficientes ao viver, eficientes ao morrer (ou “não se preocupe, a morte é supereficiente”)

Se você está lendo isso, é porque não se assustou com o título, e ao final sorrirá, eu garanto.

 

Sadhguru, cujo nome é Jaggi Vasudev, é um “Yogi” e místico indiano. Um Yogi é um homem que passou vários anos praticando a filosofia do Yoga, sendo assim considerada uma pessoa que alcançou um estado espiritual avançado.

 

Em 2017 ele recebeu o “Padma Vibhushan”, o segundo maior prêmio civil da Índia, por suas contribuições para o bem-estar social.

 

Ele nasceu em 3 de setembro de 1957 e criou a Fundação Isha, uma ONG que oferece programas de Yoga em todo o mundo e está envolvida em iniciativas de divulgação social, educação e meio ambiente.

 

Nessa palestra ele diz que “aquilo que faz ‘tic-tac…’ no seu pulso não é o relógio, é a sua vida. Não é o relógio que está passando, é a sua vida que está passando. Toda vez que olhar o relógio sorria, você continua vivo”.

 

As palestras de Sadhguru são assistidas por milhares de pessoas em todo o mundo. O vídeo abaixo é um trecho de uma delas e tem a ver com o título deste artigo.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *