HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

07/02/2023



Sem Categoria

O púlpito

 O púlpito

Deu-se que para a nova sede da Academia Paranaense de Letras, no Belvedere da Praça João Cândido havia a necessidade de uma tribuna, a permitir que os nossos palestrantes se coloquem em posição digna para seus pronunciamentos.

Ao procurar na internet encontrei uma empresa de móveis especializada em púlpitos, localizada em algum lugar no interior. O site já trazia os campos a serem preenchidos por quem desejasse o exigido orçamento, com denominação da solicitante e nome e telefone do responsável.

Um dia depois recebo a ligação de um vendedor:

– Pastor Ernani?

– Pois não.

– Estou aqui com seu pedido de orçamento. O senhor escolheu o modelo 532, a ser entregue em Curitiba.

– Perfeito.

– Permita-me a pergunta, pastor: qual o tamanho do seu rebanho?

– Somos em 40, o local não comporta mais.

– Entendi, uma comunidade pequena. Igreja nova, decerto.

– Nem tanto, já temos mais de 80 anos.

– Não importa. Pastor, temos o modelo 685 que me parece mais apropriado para seu tabernáculo. Custa um pouco mais caro, porém é de madeira maciça e permite afixar alguma mensagem incrustada na madeira.

– De que tipo?

– Jesus salva, Deus é meu pastor, Esperança é tudo, Perseverar é preciso. Ou mesmo um dístico, com algum símbolo como coração vermelho, cruz em perspectiva. Fica muito bonito.

Agradeci o interesse do vendedor. Não me dei ao trabalho de explicar que a nossa bíblia são os livros e que as orações nas academias de letras são as que compõem o vernáculo.

Notei que ele se mostrou muito interessado, até garantiu que quando vier a Curitiba fará questão de visitar o nosso templo.

Estou aguardando. Já preparei uma homilia sobre O Inferno de Dante, para o que irei convidar Dante Mendonça e apresentá-lo como autor da obra. Acho que o simpático vendedor ficará impressionado. Ou vai me mandar para os quintos dos infernos.
_____________________________________________

Ernani Buchmann –

Advogado, jornalista, publicitário e escritor, foi presidente da Academia Paranaense de Letras.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *