HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

19/04/2024

OPERAÇÃO SEMANA SANTA

Paraná

PRF flagrou mais de 5 mil veículos em excesso de velocidade nas estradas do Paraná

 PRF flagrou mais de 5 mil veículos em excesso de velocidade nas estradas do Paraná

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou 5.400 veículos em excesso de velocidade nas rodovias federais no Paraná durante a Operação Semana Santa 2024, que se estendeu de quinta a domingo (28/03 a 31/03), cobrindo o feriado e o período de grande movimentação de veículos e pessoas nas rodovias. A conduta de alto risco causa e aumenta as consequências de sinistros de trânsito.

 

Durante o período, a PRF registrou sete mortes em sinistros de trânsito nas rodovias federais do Paraná durante a Operação Semana Santa. Preliminarmente, observou-se que os sinistros de trânsito têm relação com comportamento dos usuários das rodovias: atitudes como excesso de velocidade, ultrapassagens de risco e falta de atenção à condução estão ligadas a esses sinistros.

 

Além das mortes, os 71 sinistros registrados pela PRF neste período também lesionaram outras 94 pessoas. Os números indicam uma leve baixa ao comparar com o mesmo período do ano passado, com 107 acidentes, dez mortes e 110 feridos.

 

Dentre os diversos flagrantes de excesso de velocidade, destaca-se um condutor flagrado a 193 km/h na BR-277, ainda em Curitiba, na manhã do sábado (30). No local, com velocidade máxima de 110 km/h, o fluxo era intenso de automóveis, motocicletas e também de ciclistas no acostamento, realçando o comportamento de risco.

 

Outro flagrante similar foi registrado na BR-376, em Tibagi, com limite também em 110 km/h, sendo um motorista flagrado a 190 km/h. Para estes dois casos a penalidade prevista é de multa de R$ 880,00 e suspensão da Carteira Nacional de Habilitação, assim como para outros condutores que tenham sido flagrantes excedendo a velocidade máxima em mais de 50 km.

 

Durante a operação, buscando melhorar a segurança viária, a PRF abordou e fiscalizou 3.882 veículos – média de 40 veículos por hora – e 4.925 pessoas. Ainda, reforçou fiscalização em rondas e comandos para condutas específicas, como as ultrapassagens proibidas.

 

Como resultado, 474 condutores foram flagrados realizando ultrapassagens em locais proibidos ou forçando ultrapassagens.As colisões frontais, causadas por ultrapassagens proibidas ou de risco, dão causa a apenas 6% dos acidentes, mas causaram 27% das mortes em 2023, conforme levantamento da PRF. Neste feriado, na BR-277 em Palmeira (PR), seguindo o parâmetro, foi registrado um sinistro de trânsito do tipo colisão frontal que resultou na morte de um homem de 20 anos. Em uma curva, com velocidade máxima de 60 km/h e com proibição de ultrapassagem sinalizada, o automóvel que ele ocupava invadiu a faixa contrária e colidiu de frente com uma carreta, sendo arremessado de volta à faixa de origem e colidindo com outro automóvel.

 

Outra conduta de alto risco, a embriaguez ao volante também esteve presente nas rodovias paranaenses. 141 condutores foram flagrados e autuados por alcoolemia. O valor da multa é de R$ 2.934,70, acompanhada de suspensão da CNH.

 

Leia outras notícias no HojePR.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *