HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

07/02/2023



Capital

Primeiro leilão da sede da Kennedy do Paraná Clube é encerrado sem lances

 Primeiro leilão da sede da Kennedy do Paraná Clube é encerrado sem lances

Sem interesse ou estratégia para ter desconto? O primeiro leilão da Sede da Kennedy do Paraná Clube foi encerrado na quarta-feira (09) às 14h00 sem nenhum lance. O leilão aconteceu de forma online e o lote teve aproximadamente 2.500 visitas, porém nenhum usuário ofereceu a “bagatela” mínima de R$ 62.399.975,00. O segundo pregão já foi marcado e terá encerramento no dia 23 de março, porém dessa vez o lance mínimo contará com um desconto de ao menos 40%. Ou seja, o interessado em adquirir o espaço deve contar com pelo menos R$37.439.985,00.

 

A sede da Kennedy foi a leilão devido a uma dívida do Paraná Clube com o Banco Central do Brasil, o Bacen. O autor entrou na justiça cobrando os dividendos em 2003, alegando haver irregularidades em transferência de jogadores do Paraná entre a década de 90 e início dos anos 2000. Os principais casos foram da venda do jogador Ricardinho ao Bordeaux e do atacante Ilan para o Souchaux. O Bacen afirma que houve irregularidade na conversão dos valores.

 

A dívida do Tricolor da Vila com o Bacen está atualmente na casa dos R$35 milhões e no ano de 2021 a Justiça já havia executado a sede da Kennedy para leilão. O Paraná havia entrado com recursos para suspensão do leilão e chegou a contratar um escritório de advocacia para virar o jogo a seu favor. O clube já perdeu sua outras duas sedes sociais, a do Tarumã em 2013 e do Boqueirão em 2018, ambas também por dividas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *