HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

28/01/2023



Sem Categoria

PT quer furar a “bolha” e chegar em todos paranaenses

 PT quer furar a “bolha” e chegar em todos paranaenses

Conversar com todos. Essa é a estratégia do PT para viabilizar a candidatura do presidente Luis Inácio Lula da Silva e dos candidatos a deputados federais e estaduais no Paraná. Segundo o presidente estadual do partido, o deputado estadual Arilson Chiorato, o trabalho desse ano é furar a bolha e atingir as pessoas não atingidas pelas propostas petistas.

“Aprendemos muito com a eleição da Dilma e o seu impeachment. E vimos a onda de fake news crescer. Então nos estruturamos para melhorar a disseminação da nossa mensagem”, diz.

Chiorato afirma que o partido montou a sua rede de informação, com notícias boas e desmentidos de fake news, pois teme uma enxurrada de notícias falsas nessa eleições. “Dessa vez temos linhas de transmissão e grupos em aplicativos com pessoas filiadas, com os movimentos sociais e com simpatizantes, que espalham para outros grupos fora do nosso convívio”, diz.

Chiorato conta que o PT tem adotado a postura de ir, ouvir e dialogar. “Estamos conversando com todo mundo, não só com quem do nosso espectro político. Estamos falando com os arrependidos que votaram em Bolsonaro (presidente Jair Bolsonaro) e convencendo a votar em Lula”, afirma.

Proporcional
Com relação a disputa para deputados estaduais e federais, o PT decidiu sair dos nichos e lançar candidatos que tem apelos regionais. Serão lançados 56 candidatos a deputado estadual e 31 a deputado federal. “Temos, nesse rol, os deputados já com mandatos, seja estadual ou federal, e aqueles que buscam seus espaços”, diz.

Chiorato afirma que o número final de candidatos pode mudar diante da possibilidade de federações partidárias. Ele garante que o PT está disposto abrir mão de nomes para viabilizar os parceiros da federação.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *