HojePR

HOJEPR LOGO
Siga no WhatsApp
Pesquisar

16/07/2024

ELEIÇÕES 2022

Simone Tebet anuncia apoio a Lula no 2º turno das eleições

simone tebet anuncia apoio a Lula

Candidata à Presidência derrotada no primeiro turno, Simone Tebet (MDB) anunciou nesta quarta-feira (4), seu apoio a Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que disputa o segundo turno das eleições contra Jair Bolsonaro (PT).

Em pronunciamento, Tebet diz que mantém críticas a Lula, mas que depositará nele o seu voto por “reconhecer seu compromisso com a democracia e com a Constituição”. “O que desconheço no atual presidente”, completou, fazendo menção a Jair Bolsonaro.

A senadora lembrou que se lançou candidata “diante de um País dividido pelo ódio e pela polarização ideológica que não apresentava soluções para os problemas do Brasil”, agradeceu os votos que recebeu no pleito e que, diante do que ocorreu no País nos últimos tempos, “não estou autorizada a abandonar as ruas.”

Tebet reconheceu que criticou os dois candidatos que disputam o segundo turno – Lula e Bolsonaro, mas que, “pelo amor ao Brasil e pela democracia”, pede desculpas a amigos e companheiros que imploraram a neutralidade de sua parte, “preocupados com seu capital político”. Uma das resistências estava, inclusive, na vice de Tebet, a senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP).

“O que está em jogo é muito maior do que cada um de nós. Votarei pela minha consciência (…) Não anularei o meu voto, não votarei em branco. Não cabe a omissão”, completou Tebet, que citou os quatro anos de governo Bolsonaro como um período em que o Brasil foi “abandonado na fogueira do ódio e desavenças, da negação que atrasou vacinas, da arma que ocupou o lugar dos livros, da mentira que feriu a verdade, e que o conceito de humanidade foi substituído pelo desamor.”

Também nesta quarta-feira, o MDB divulgou comunicado no qual libera seus filiados a apoiarem quem quiserem neste segundo turno.

“Nas últimas 48 horas, dirigentes, congressistas, governadores e prefeitos externaram sua posição com relação à disputa nacional em segundo turno. Por ampla maioria, o MDB decidiu dar liberdade para que cada um se manifeste conforme sua consciência”, afirmou o partido em nota assinada pelo presidente da legenda, deputado Baleia Rossi.

 

Partido rachado

O apoio de Tebet evidencia ainda mais a polarização dentro do MDB. Somente nesta quarta-feira, dois integrantes do partido anunciaram apoios opostos.

O governador reeleito do Pará, Helder Barbalho irá apoiar Lula, ao contrário de Ibaneis Rocha, governador reeleito do Distrito Federal, que reuniu-se com Bolsonaro nesta manhã e declarou apoio à reeleição do presidente.

 

Leia outras notícias no HojePR.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *