HojePR

LOGO-HEADER-slogan-675-X-65

07/02/2023



política

Vereadoras do Novo partem pra cima de Euler

 Vereadoras do Novo partem pra cima de Euler

As vereadoras do Novo, Indiara Barbosa e Amália Tortato, abriram fogo contra o vereador Professor Euler (PSD) na sessão desta terça-feira (8) da Câmara Municipal de Curitiba (CMC). “Não é o senhor que pauta o meu mandato. Quem pauta o meu mandato são os 12.147 eleitores que me colocaram aqui e que me fizeram ser a vereadora mais votada dessa Casa”, disse Indiara a Euler, rebatendo críticas do parlamentar por não ter assinado pedido de abertura de CPI sobre a Linha Verde.

 

Para Indiara Barbosa, uma CPI em ano eleitoral pode atrasar a nova licitação, prejudicando a população, além de atrasar os trabalhos na CMC. A parlamentar também criticou o vereador Euler por ele não lhe conceder aparte na sessão de segunda-feira (7), durante  discussão de sugestão à Prefeitura de Curitiba sobre a Linha Verde.

 

Já a vereadora Amália Tortato disse que não assinou o pedido de CPI porque “faltou embasamento técnico, por isso não assinamos”, disse a parlamentar que também foi criticada por Euler, na véspera, por não assinar o pedido de investigação.

 

“Entre tantos outros vereadores que também não assinaram o pedido de abertura da CPI, ele escolheu atacar duas mulheres. Aqui, nessa bancada [do Novo], você tem duas mulheres fortes, corajosas, que não se intimidam com homem que fala alto e grosso. Aqui, não”, afirmou a parlamentar.

 

“Eu só falei das senhoras, porque é das senhoras que eu espero alguma coisa. Daqueles que você não espera nada, nada você deve cobrar”, comentou Euler.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *